COMPARTIR:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Fira de Barcelona se encontram de 13 a 15 de novembro, dois eventos internacionais e vários concursos Congresso em que empresas, cidades, especialistas e profissionais irão partilhar as últimas inovações tecnológicas, trocar experiências e discutir como a revolução digital atual pode mudar de cidade, mobilidade e gestão de energia e água na perspectiva do desenvolvimento sustentável. O principal evento para cidades inteligentes, Smart City Expo World Congress, e lounge no ciclo integrado da água, iWater, irá adicionar mais de 970 expositores, 24.000 visitantes e 443 especialistas, ocupando quase 49.000 m2 do centro de exposições Gran Via.

Além disso, sob o Smart City Expo Mundial Congres, haverá outros eventos como o Congresso inteligente Mobilty e Circular Summit Economia, organizado pela Fira, a Digital Society Futuro, alimentado pelo Mobile World Capital, o C40 Talks, rede internacional cidades contra as alterações climáticas ou a Cimeira das Cidades Partilhadas, organizada pelo Conselho Municipal de Barcelona. Eles também abordarão questões como conectividade e 5G, cidades resilientes, mobilidade do futuro, governança multinível e economia circular.
O diretor-geral da Fira de Barcelona, ​​Constantí Serrallonga, disse que “esses eventos mostram como revolução digital e tecnológica que estamos vivendo oferece grandes oportunidades para atingir novos modelos de gestão das nossas cidades e recursos energéticos para construir um futuro melhor para planeta. ” Para Serrallonga “a confluência dos próximos dias de grandes empresas, profissionais e representantes das principais cidades do mundo contribuirá para posicionar Barcelona como uma cidade comprometida com o desenvolvimento sustentável”.
Com um crescimento de 30%, a 8ª edição do Smart City Expo World Congress será a maior até hoje. Ela terá mais de 700 cidades, 413 palestrantes e 844 expositores das principais empresas do setor de soluções urbanas. Ocupará os pavilhões 2 e 1 do recinto de feiras e espera exceder 20.000 visitantes de mais de 120 países. O evento, organizado pela Fira de Barcelona sob o lema para vivem em cidades incidirá sobre o desenvolvimento de iniciativas que visam transformar as cidades em lugares onde as vidas de seus cidadãos melhor.
Para alcançar este objectivo, propõe um programa estruturado em cinco áreas: transformação digital, ambiente urbano, mobilidade, governança e finanças, e cidades inclusivas e partilhados, que envolverá grandes especialistas como Rufus Pollock, um economista e fundador do Conhecimento Aberto Internacional; Víctor Pineda, especialista em desenvolvimento social e defensor dos direitos dos deficientes; e o empreendedor social, banqueiro e economista de Bangladesh, Muhammad Yunus, ganhador do Prêmio Nobel da Paz em 2006.

Para a água digital
IWater enquanto isso vai expor no Pavilhão 1 as diferentes fases do ciclo integral da água, colocando o foco na digitalização de processos para ganhar eficiência e economia circular como um novo paradigma para enfrentar a escassez de recursos hídricos. Assim, em sua segunda edição reunirá uma centena de expositores 8 países que apresentarão tecnologias de ponta voltadas à modernização de infraestruturas e à garantia do manejo sustentável e inteligente da água nas cidades, indústria e agricultura. A Iwater incluirá o IX Fórum da Economia da Água, bem como várias atividades de conhecimento e rede, das quais participam 30 palestrantes nacionais e internacionais. Mais de 4.000 visitantes são esperados.

COMPARTIR:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

NO COMMENTS

DEJAR UN COMENTARIO